Dreams
sábado, 13 julho 2024
spot_imgspot_img

Carnaval de Salvador: zero mortes violentas e 36 prisões por reconhecimento facial

SSP-BA anuncia balanço do Carnaval sem mortes violentas e com 36 prisões graças ao reconhecimento facial, além de 11 milhões de foliões.

Carnaval seguro e tecnológico em Salvador

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) apresentou um balanço positivo do Carnaval de Salvador, destacando a ausência de mortes violentas nos circuitos e a eficácia do Sistema de Reconhecimento Facial, que resultou em 36 prisões. Com a presença do governador Jerônimo Rodrigues e do secretário Marcelo Werner, o evento não só garantiu a segurança dos participantes, mas também registrou uma participação maciça de 11 milhões de foliões.

Prisões efetivas e participação popular

Entre os detidos, estavam foragidos da Justiça com mandados por crimes variados, desde homicídio e roubo até estupro e tráfico de drogas. O circuito Barra-Ondina liderou o número de prisões, reforçando o compromisso da SSP-BA com a segurança dos participantes.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Reconhecimento facial e controle rigoroso

O sistema de reconhecimento facial não apenas ajudou a capturar foragidos, mas também contabilizou os foliões presentes, com Barra-Ondina atraindo a maior parte do público. Além disso, os portais de abordagem foram cruciais para a segurança, impedindo a entrada de objetos perigosos nos circuitos.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares