Dreams
quarta-feira, 24 julho 2024
spot_imgspot_img

Lula restabelece calendário de pagamento para emendas parlamentares

Governo Lula anuncia decreto para regularizar o pagamento de emendas parlamentares, após veto na LDO.

Retomada do Calendário de Pagamento das Emendas Parlamentares

Em uma medida significativa para as relações entre o Executivo e o Legislativo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou um decreto que visa restabelecer um calendário para o pagamento das emendas parlamentares impositivas. Este passo ocorre após um acordo com legisladores responsáveis pela elaboração do Orçamento de 2024 e segue o veto presidencial a uma disposição semelhante na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Negociações com o Congresso e o Veto Presidencial

A decisão de vetar a disposição original na LDO gerou a necessidade de negociações entre o governo e o Congresso, mediadas pela Secretaria de Relações Institucionais, liderada por Alexandre Padilha. O decreto representa um consenso que visa assegurar a execução orçamentária sem comprometer a governabilidade.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Detalhes do Decreto

O decreto especifica que o pagamento de despesas no exercício de 2024, incluindo os restos a pagar de exercícios anteriores e despesas relativas a créditos suplementares e especiais, deverá seguir os cronogramas estabelecidos. Esta medida assegura uma gestão fiscal responsável e transparente, respeitando os compromissos assumidos com os parlamentares.

Impacto nas Relações Governamentais

A retomada do calendário de pagamentos das emendas parlamentares é um gesto importante do governo Lula para manter um relacionamento saudável e produtivo com o Congresso Nacional. Ao garantir a execução das emendas, o governo demonstra respeito pelas prioridades legislativas e fortalece o diálogo político, essencial para a aprovação de futuras propostas.

Próximos Passos

O veto presidencial à disposição original na LDO ainda aguarda análise em uma sessão do Congresso, cuja data será definida em breve. A implementação do decreto e a negociação contínua entre o Executivo e o Legislativo serão cruciais para garantir a eficiência e a transparência no uso dos recursos públicos, além de reforçar o compromisso do governo com a democracia e o desenvolvimento social e econômico do país.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares