Dreams
segunda-feira, 22 julho 2024
spot_imgspot_img

PF encaminha conclusão de investigação contra Bolsonaro por tentativa de golpe

Com provas sólidas, a Polícia Federal prepara para finalizar a investigação sobre a participação de Bolsonaro em tentativa de golpe de Estado após eleições de 2022.

Polícia Federal se aproxima do fim da investigação sobre Bolsonaro

A Polícia Federal (PF) está prestes a concluir sua investigação sobre a suposta participação do ex-presidente Jair Bolsonaro em uma tentativa de golpe de Estado após as eleições de 2022. As provas obtidas na operação realizada nesta quinta-feira (8) corroboram os depoimentos da delação de Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, e implicam o ex-presidente diretamente no comando da trama golpista.

Detalhes das provas e próximos passos

As evidências reunidas pela PF destacam a influência direta de Bolsonaro na conspiração, incluindo sua participação em reuniões e a elaboração de uma minuta de decreto golpista. A investigação, agora em fase final, será enviada à Procuradoria-Geral da República (PGR) para o possível indiciamento dos envolvidos e, subsequente, encaminhamento ao STF.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Implicações legais e possíveis denúncias

Os crimes investigados abrangem a tentativa de abolir o Estado democrático de direito e golpe de Estado, com penas significativas. Os depoimentos e provas colhidas situam Bolsonaro em conversas e ações planejando o golpe, reforçando a gravidade das acusações.

O papel da delação de Mauro Cid

A delação de Mauro Cid revelou detalhes cruciais sobre a tentativa de golpe, incluindo a consulta de Bolsonaro aos comandantes das Forças Armadas e o apoio de figuras militares à trama. A PF confirmou esses relatos, adicionando robustez à investigação.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares