Dreams
quinta-feira, 25 julho 2024
spot_imgspot_img

Assembleia Legislativa da Bahia prepara instalação do Conselho de Ética

Após pressão, Conselho de Ética da Assembleia Legislativa será finalmente instalado, com indicações polêmicas entre os membros.

Formação do Conselho de Ética movimenta Assembleia Legislativa da Bahia

A Assembleia Legislativa da Bahia se prepara para a instalação do Conselho de Ética nesta quarta-feira (10), após um novo episódio envolvendo a Polícia Federal e figuras próximas ao deputado estadual Binho Galinha (PRD). A formação do conselho, há tempos solicitada, ganhou urgência com a prisão preventiva da esposa do parlamentar.

Indicações sob comando do líder do governo

O presidente da Assembleia, deputado Adolfo Menezes (PSD), exigiu que o líder do governo, deputado Rosemberg Pinto (PT), finalizasse as indicações pela base governista, algo que a oposição já havia feito cerca de 30 dias atrás. Notavelmente, Marcinho Oliveira, oposicionista e vice-líder do União Brasil, foi escolhido como suplente, numa jogada que surpreendeu muitos.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Membros do Conselho de Ética

Rosemberg Pinto indicou, como titulares, os deputados Alex da Piatã (PSD), Antônio Henrique Júnior (PP), Euclides Fernandes (PT), Marcelino Galo (PT) e Vitor Bonfim (PV), com Ângelo Coronel Filho (PSD), Fabíola Mansur (PSB), Nelson Leal (PP) e Raimundinho da JR (PL) como suplentes. Da oposição, foram indicados Tiago Correia (PSDB), Samuel Júnior (Republicanos), Sandro Régis (União) como titulares, e Kátia Oliveira (União), Emerson Penalva (PDT), Robinho (União) como suplentes.

Repercussão das indicações

A escolha de Marcinho Oliveira como membro do conselho gerou desconforto na oposição, com acusações de que o deputado estaria sendo manipulado pela base governista para benefício próprio.

“Marcinho está sendo usado pela base governista, e não por inocência dele. Ele quer ficar em cima do muro”, criticou Robinho.

Expectativas para a instalação do Conselho

Com a publicação dos nomes dos membros do colegiado pela base do governo, espera-se que a reunião de instalação do Conselho de Ética ocorra sem mais delongas.

“Tivemos hoje mais uma operação da Polícia Federal e essa Casa precisa dar uma satisfação à sociedade. Precisamos instalar o Conselho de Ética. Esse é um assunto grave”, enfatizou Adolfo Menezes.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares