Dreams
sábado, 20 julho 2024
spot_imgspot_img

Novo centro em Salvador une jiu-jítsu e fisioterapia no tratamento de autismo

Conheça o inovador centro de tratamento para autismo em Salvador que integra jiu-jítsu e fisioterapia, oferecendo um método terapêutico único para jovens no espectro.

Jiu Jitea: pioneirismo no tratamento de autismo com jiu-jítsu e fisioterapia em Salvador

No Dia Mundial de Conscientização do Autismo, Salvador testemunha a inauguração de um centro terapêutico pioneiro: o Jiu Jitea. Fundado pela ex-atleta Alycia Rei, o centro especializado no tratamento de jovens no espectro autista é o primeiro do tipo na Bahia a combinar fisioterapia com a prática do jiu-jítsu.

Origem inspiradora e missão do centro

Alycia Rei traz para o projeto uma história pessoal inspiradora, marcada pela convivência com o autismo dentro de sua própria família. Movida pela experiência com seu irmão Arthur e seu filho, também chamado Arthur, Alycia decidiu criar um espaço que oferecesse uma abordagem terapêutica inovadora, focada no bem-estar e desenvolvimento integral de jovens autistas.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

A inovação do método A.R.T.H.U.R

O método A.R.T.H.U.R, homônimo de seu irmão e filho, é a pedra angular do centro, incorporando jiu-jítsu como uma ferramenta terapêutica vital. A abordagem visa não apenas a melhoria da condição física dos jovens, mas também a promoção do desenvolvimento cognitivo, social e psicomotor, elementos fundamentais para a qualidade de vida de pessoas no espectro autista.

Benefícios além do tatame

O impacto do jiu-jítsu na vida dos autistas é notável, segundo Alycia. Cerca de 80% dos autistas enfrentam desafios psicomotores significativos, e a prática do esporte oferece uma oportunidade para o desenvolvimento de habilidades vitais, como disciplina, foco, respeito e interação social.

Feedback positivo da comunidade

Josué Oliveira, pai de um dos alunos, Gabriel, relata melhorias impressionantes em seu filho, enfatizando os avanços na interação social e habilidades motoras desde o início das aulas no Jiu Jitea. O centro registra e analisa cada sessão terapêutica, oferecendo aos pais relatórios detalhados sobre o progresso de seus filhos, garantindo um acompanhamento próximo e efetivo da evolução de cada jovem.

O Jiu Jitea se posiciona como um marco no tratamento do autismo em Salvador, oferecendo um espaço de acolhimento e desenvolvimento para jovens autistas e suas famílias. A integração do jiu-jítsu e da fisioterapia abre novas perspectivas para o tratamento do autismo, promovendo não apenas a saúde física, mas também o bem-estar emocional e social dos envolvidos.

COMPARTILHE ESTE POST:

Marina Carvalho
Marina Carvalho
Jornalista dinâmica especializada em multimídia e narrativa digital, com 10 anos de carreira. Liderou projetos de jornalismo móvel, trazendo inovação e interatividade para a cobertura de notícias.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares