Dreams
terça-feira, 23 julho 2024
spot_imgspot_img

Ex-prefeito de Paramirim, Júlio Bernardo, condenado por fraudes em licitação

Júlio Bernardo, ex-prefeito de Paramirim, é condenado por envolvimento em fraudes de licitação, colocando em risco sua candidatura futura.

Condenação por fraude em licitação em Paramirim

Júlio Bernardo Brito Vieira Bittencourt, ex-prefeito de Paramirim e atual pré-candidato a prefeito, foi condenado a dois anos de prisão devido a seu envolvimento em fraudes de licitação. A condenação é um desdobramento da Operação Águia de Haia, que investiga corrupção em contratos públicos em várias prefeituras na Bahia.

Detalhes da condenação

Júlio Bernardo foi especificamente acusado de manipular o Pregão Presencial nº 028/2013 para favorecer empresas ligadas a Kells Belarmino Mendes, figura central do esquema de corrupção. O contrato resultante do pregão fraudulento teve um valor superfaturado de R$ 2.200.000,00, representando um prejuízo significativo para os cofres públicos de Paramirim.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Implicações para a carreira política

A condenação surge em um momento crítico, com Júlio Bernardo lançando sua pré-candidatura para as eleições municipais de 2024. Este evento judicial pode impactar negativamente sua campanha, afetando sua imagem perante o eleitorado e colocando em xeque sua capacidade de concorrer e administrar sob um mandato legal.

Contexto da operação Águia de Haia

A Operação Águia de Haia tem sido um marco na luta contra a corrupção em nível municipal na Bahia, desmantelando redes de fraudes que envolvem direcionamento de licitações e superfaturamento de contratos em diversas cidades. Essa operação evidencia a necessidade de transparência e integridade no gerenciamento dos recursos públicos.

COMPARTILHE ESTE POST:

Marina Carvalho
Marina Carvalho
Jornalista dinâmica especializada em multimídia e narrativa digital, com 10 anos de carreira. Liderou projetos de jornalismo móvel, trazendo inovação e interatividade para a cobertura de notícias.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares