Dreams
domingo, 14 julho 2024
spot_imgspot_img

Corte de verba para alimentação em Jequié afeta entidades sociais

A comunidade de Jequié e defensores dos direitos sociais são chamados a se mobilizar contra os cortes na alimentação de entidades sociais, em busca de soluções que garantam a continuidade e a qualidade dos serviços prestados às crianças e famílias atendidas.

Redução de apoio financeiro impacta serviços sociais em Jequié

A cidade de Jequié, na Bahia, enfrenta uma controvérsia após o prefeito Zé Cocá (PP) decidir cortar a verba destinada à alimentação de entidades sociais importantes, incluindo a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). A denúncia partiu da vereadora Moana Meira (PSD), que além de sua função legislativa, ocupa o cargo de presidente da Federação das APAES da Bahia.

Uma tradição de apoio interrompida

Moana Meira expressou sua indignação e surpresa com a decisão do prefeito, enfatizando que a parceria entre o município de Jequié e as entidades sociais, que já durava 30 anos, sempre foi mantida por administrações anteriores. “É a primeira vez que um prefeito corta a alimentação das crianças atendidas por entidades”, destacou a vereadora.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Chamado à ação e respeito

Além de criticar o corte das verbas, Meira fez um apelo à Secretária Municipal de Educação, Elvia Sampaio, para que visite a APAE e veja de perto o trabalho realizado pela instituição. A vereadora também denunciou a falta de comunicação oficial da prefeitura sobre alterações no corpo funcional das instituições, considerando isso uma falta de respeito com as entidades locais.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares