Dreams
sábado, 20 julho 2024
spot_imgspot_img

Conselheiros da Bahia lideram comissões no CNJ

Conselheiros baianos assumem importantes posições de liderança no CNJ, destacando-se em comissões cruciais para o avanço da justiça no Brasil.

Lideranças baianas no Conselho Nacional de Justiça

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) recentemente ratificou a escolha de três destacados conselheiros oriundos da Bahia – José Edvaldo, João Paulo Schoucair e Pablo Coutinho – para comandar importantes comissões dentro do órgão.

Presidência e supervisão por José Edvaldo

José Edvaldo Rocha Rotondano assumirá a liderança da Comissão Permanente da Justiça Criminal. Além disso, ele foi incumbido de supervisionar o Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Socioeducativas (DMF), tarefa que reforça o compromisso do CNJ com a melhoria contínua dos sistemas penal e socioeducativo do país.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

João Paulo Schoucair e suas múltiplas funções

Por sua vez, João Paulo Schoucair será responsável pela Comissão Permanente de Aperfeiçoamento da Justiça Militar. Além disso, ele vai liderar o Comitê Gestor do Sistema Nacional de Segurança do Poder Judiciário e o Fórum Nacional do Poder Judiciário para a Equidade Racial (Fonaer), evidenciando o esforço do CNJ em promover a justiça e a igualdade racial dentro do sistema judiciário.

Pablo Coutinho e o Comitê Executivo Nacional

Pablo Coutinho, por outro lado, será integrante do Comitê Executivo Nacional dos Núcleos de Ações Coletivas. Sua participação nesse comitê destaca a importância das ações coletivas no contexto jurídico nacional, promovendo uma justiça mais ágil e efetiva.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares