Dreams
domingo, 14 julho 2024
spot_imgspot_img

CNJ inicia processo contra Desembargador do TJ-BA por prisão domiciliar a líder de Facção

Afastamento do Desembargador Luiz Fernando Lima é mantido pelo CNJ após conceder prisão domiciliar a suspeito de liderar facção na Bahia.

CNJ abre processo administrativo contra Desembargador do TJ-BA

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu abrir um processo administrativo disciplinar (PAD) contra o desembargador Luiz Fernando Lima, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), devido à concessão de prisão domiciliar ao suspeito Ednaldo Freire Ferreira, conhecido como Dadá, apontado como líder de uma facção criminosa. A medida foi tomada durante a 3ª Sessão Virtual de 2024, realizada na sexta-feira (15).

Detalhes do Afastamento

Luiz Fernando Lima encontra-se afastado de suas funções desde 17 de outubro, ação que foi confirmada na mesma sessão que iniciou o PAD. O desembargador havia concedido a prisão domiciliar a Dadá, que estava detido em presídio de segurança máxima em Pernambuco e é acusado de tráfico de drogas e distribuição de armas brancas dentro da prisão. Após receber o benefício, Dadá fugiu.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Reação da Defesa

A defesa do desembargador Luiz Fernando Lima afirma que trabalhará para demonstrar a inexistência dos motivos que levaram ao afastamento e à abertura do processo disciplinar. Segundo o advogado do magistrado, a prioridade é provar a inocência de Lima, sustentando que não houve nenhuma conduta errada ou ilícita por parte do desembargador.

Este caso ressalta as complexidades e desafios enfrentados pelo sistema judiciário na gestão de casos envolvendo suspeitos de altas periculosidades e a importância de processos administrativos disciplinares na manutenção da integridade e da confiança pública na justiça.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares