Dreams
sábado, 25 maio 2024
spot_imgspot_img

Influenciador critica falta de suporte para filho autista em escola de Salvador

Wanderlei Luz denuncia a ausência de assistentes terapêuticos para alunos autistas na rede municipal de Salvador, impactando diretamente na educação de seu filho.

Influenciador reivindica suporte para alunos autistas em Salvador

O influenciador digital Wanderlei Luz trouxe à tona uma grave questão em Salvador: a falta de assistência terapêutica para alunos autistas na rede municipal de ensino. Em um vídeo emocionado postado em seu Instagram, Wanderlei fez um apelo direto ao prefeito Bruno Reis sobre a situação de seu filho João Bernardo e de outros 33 alunos, que estão sem frequentar as aulas há três meses devido à ausência de auxiliares de desenvolvimento infantil (ADI).

O desabafo viral de Wanderlei Luz

No vídeo, que rapidamente ganhou tração nas redes sociais, Luz destacou que a falta de profissionais especializados impede que seu filho e outros estudantes autistas recebam a educação adequada. “Bruno Reis, tem 34 alunos autistas em casa, porque não podem estudar. Porque não tem assistente terapêutico na sala de aula”, declarou o influenciador, cujo post alcançou mais de 180 mil visualizações e milhares de reações e comentários de apoio.

Fique ligado! Participe do nosso canal do WhatsApp! Quero Participar

Contexto local e críticas à gestão

O influenciador criticou a gestão municipal por investir em infraestruturas como campos esportivos enquanto ignora as necessidades básicas de educação especial. Ele mencionou especificamente a Escola Municipal Eloyna Barradas, inaugurada em 2022 no bairro da Ribeira, onde seu filho deveria estar estudando.

Repercussão e impacto social

Wanderlei Luz, conhecido por sua atividade nas redes sociais e uma história de viralização anterior em homenagem ao seu filho, tem usado sua plataforma para chamar atenção para questões sociais importantes. Sua voz se tornou um símbolo de luta por direitos e melhorias nas condições de educação para crianças autistas em Salvador.

Este caso ressalta a necessidade de políticas públicas mais inclusivas e a importância de garantir que todos os alunos, independentemente de suas condições, tenham acesso a uma educação adequada e suporte especializado quando necessário. A resposta da administração municipal a essas questões será crucial para muitas famílias que dependem da rede de ensino público para a educação de seus filhos.

COMPARTILHE ESTE POST:

Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo
Gabriel Figueiredo, jornalista baiano, nascido em Feira de Santana, com mais de 15 anos de experiência, é referência em notícias locais e inovação do Minha Bahia.
MAIS NOTÍCIAS

Mais populares